Tag Archives: Platão

Sólidos Platónicos

Padrão

No livro Timeu, escrito por volta do ano de 350 a.C., Platão apresenta a teoria segundo a qual os quatro “elementos” admitidos como constituentes do mundo – o Fogo, o Ar, a Água e a Terra – eram todos agregados de sólidos minúsculos. Além disso, defendia ele, uma vez que o mundo só poderia ter sido feito a partir de corpos perfeitos, que estes elementos deveriam ter a forma de sólidos geométricos regulares.

Os Cinco Sólido Geométricos Regulares

Os Cinco Sólidos Geométricos Regulares

Sendo o mais leve e o mais violento dos elementos, o Fogo deveria ser um tetaedro.

Como o mais estável dos elementos, a Terra deveria ser constituída por cubos.

Como o mais inconstante e fluido, a Água tem que ser um icosaedro, o sólido regular capaz de rolar mais facilmente.

Quanto ao ar, Platão observou que “o ar é para a água o que a água é para o ar” e conclui, de forma algo misteriosa, que o Ar deve ser o octaedro.

Finalmente, para não deixar de fora um sólido regular, atribuiu ao dodecaedro a representação da forma de todo o Universo ( O Cosmos).

Por muito excêntrica e fantástica que esta teoria possa parecer aos nossos olhos, nos séculos XVI e XVII foi levada muito a sério, mesmo que não fosse completamente aceite como verdadeira, quando Joahanes Kepler começou as suas buscas sobre a ordem matemática no mundo à sua volta. Os desenhos que se reproduzem na figura seguinte são ilustrações do próprio Kepler sobre a teoria de Platão.

Os cinco Sólidos Platónicos.

Os cinco Sólidos Platónicos.