Category Archives: 5º Ano-CIC

Material de apoio às aulas do 5º Ano de Matemática

Expressões Numéricas

Padrão

Olá!!!

Para treinarem o cálculo mental e a resolução de expressões numéricas aqui fica um jogo interessante…

Cliquem na imagem e bom trabalho 😉

Anúncios

O PERÍMETRO DO CÍRCULO

Padrão

Um pouco de poesia para tornar o cálculo do perímetro do círculo muito mais interessante 😉

Com dois raios, eu já sei
um diâmetro posso obter
mas medir o comprimento
de uma circunferência
(o perímetro de um círculo)
é osso duro e difícil
que eu não consigo roer.
Ah se eu conseguisse
descobrir uma continha
muito fácil de fazer…
Media só o diâmetro
e depois lá calculava
o perímetro do círculo
sem nunca mais me perder.
Fui à lata de feijão
ao copo, ao frasco, à panela
medi tudo com cuidado
investiguei curiosa
com rigor e emoção
diâmetro, perímetro
perímetro, diâmetro
parecendo-me que em qualquer lado
devia estar bem guardado
o segredo, a solução.
E foi assim de repente
a olhar para tudo aquilo
que, subitamente, eu vi:
o triplo do diâmetro
(triplo mais um bocadinho)
permitia descobrir
o perímetro do círculo
sem precisar de o medir!
Três vírgula catorze e mais
um comboio infinito
de casinhas decimais
(que não vou utilizar).
Subitamente eu vi
e a professora contou-me
que aquele número estranho
mágico, misterioso
não era sequer perigoso
era só o número “pi”
E querem saber a melhor?
Dividam perímetro por pi
(por exemplo, no Equador)
e chegamos ao diâmetro
(por exemplo, o da Terra)
sem precisar de a cortar.
Porque Terra há só uma
e depois não se pode colar!
Teresa Martinho Marques

Mistério….. O empréstimo…

Padrão

O mistério do empréstimo:

“Eu tenho um vizinho que vende bicicletas. Há dias ao passar à frente da montra dele vi lá uma que me agradava, só que custava 50 euros, e eu não tinha dinheiro para a comprar.

Resolvi pedir dinheiro emprestado aos meus pais.

Para não ficar muito “pesado” a nenhum dos dois, resolvi pedir 25 euros a cada um.

Lá fui eu todo contente com os 50 euros ter com o meu vizinho …para me vender o velocípede. Só que como ele me conhecia muito bem e sabia que eu era bom rapaz e que não nadava em dinheiro, resolveu fazer-me um desconto de 5 euros. Fiquei todo contente, como é obvio! Contudo, mal sabia eu as dores de cabeça que aquele desconto ainda me ia causar!

Bem, mas não nos desviemos do rumo da história. Depois de ter pago 45 euros pela bicicleta, ia de regresso a casa com 5 euros no bolso quando encontrei um amigo que não via há muito tempo, que me pediu 1 euro emprestado.Como tinha 5 euros no bolso, acedi ao pedido. Fiquei então com 4 euros e resolvi começar a pagar a dívida aos meus pais antes que mais alguém me viesse pedir dinheiro. E tal como fizera com o pedido de empréstimo, resolvi dividir o mal pelas aldeias dando 2 euros ao meu Pai e 2 euros à minha mãe ficando a dever portanto 23 euros a cada um deles.

Quando comecei a fazer contas vi a asneirada que tinha feito, pois se estava a dever 23 euros a cada um, estava a dever um total de 46 euros com o euro que o meu amigo me iria pagar, teria 47 euros! Então tinha sido burlado em 3 euros!

Resolvi voltar a fazer contas e começar tudo do princípio!

Vejamos:

Bicicleta 50 euros

25 euros do pai + 25 euros da mãe

Desconto de 5 euros

5 euros no bolso … hmmm desta vez, emprestar 3 euros ao amigo 2 euros no bolso

Pagar 1 euro ao Pai e 1 euro à mãe

Fico portanto a dever 24 euros a cada um, o que faz um total de 48 euros mais os 3 euros que emprestei ao meu amigo… 51 euros!”

Moral da História: Se alguém te pedir 1 euro emprestado, empresta-lhe três! 😉

Vamos lá descobrir o que se passa aqui!!!

Fico a aguardar pelos vossos comentários…

XXX Olimpíadas Portuguesas de Matemática

Padrão

Olá a todos.

Amanhã decorrem as XXX Olimpíadas Portuguesas de Matemática.

Mais uma vez os alunos do Colégio vão participar na 1ª eliminatória desta competição organizada anualmente pela Sociedade Portuguesa de Matemática.

No presente ano letivo alargamos o leque de inscrições a todos os alunos, desde o 2º ciclo ao ensino secundário, e inscreveram-se alunos nas Pré – Olimpíadas (5º ano), na categoria Júnior (6º e 7º anos), na categoria A (8º e 9º anos) e na categoria B (10º ano).

Os problemas propostos nesta competição apelam ao conhecimento, ao raciocínio e a criatividade dos alunos e são factores importantes na determinação das classificações o rigor lógico, a clareza da exposição e a elegância da resolução.

A realização destas provas tem como objetivos:

  • Incentivar e desenvolver o gosto dos alunos pela Matemática;
  • Despertar o interesse dos alunos para concursos matemáticos;
  • Desenvolver nos alunos o raciocínio matemático, a criatividade e a imaginação.
  • Detectar vocações precoces nesta área de saber;

Boa sorte para amanhã e bons pensamentos matemáticos ;-)