Daily Archives: 06/04/2010

A História do Número 1

Padrão

O que seria de nós se não fosse inventado o número 1? Muito provavelmente ainda continuaríamos a contar tudo como algumas sociedades ditas primitivas que só conhecem dois conceitos de quantidade: um e muitos. 

O documentário que se segue: ” A História do Número 1″, produzido pela BBC e apresentado por Terry Jones, usa uma boa dose de humor (inglês) para contar a história deste número.

Sobre o vídeo no YouTube:

“O herói desta história é um mestre na arte do disfarce. Para algumas pessoas ele apareceu em forma de cunha, para outras como um cone. Mas independente da forma que assumiu, ele sempre foi o numero “1”. Sua história é a nossa história. É uma história de lutas, de sabedoria, de filosofia. Uma história sobre as origens dos números. Nós veremos como o “1” ajudou a criar as primeiras cidades, como ajudou a construir impérios, e como inspirou as mentes mais brilhantes da história. Também conheceremos sua participação no modo de funcionamento do dinheiro. Por fim veremos como o “1” se associou ao “0” para dominar o mundo em que vivemos hoje. O mundo digital que funciona com “1”s e “0”s.”

1. Das origens até os Sumérios

2. Egito e Grécia (Pitágoras)

3. Grécia (Arquimedes), Roma e Índia

4. Índia (invenção do zero e dos algarismos) e Arábia (al –Khawarizmi, matemático persa muçulmano)

5. Europa: O capitalismo precisou dos algarismo indo- arábicos (Fibonacci)

6. Dos Número Binários (Leibniz) ao Computador

Anúncios

Como calcular o dia de Páscoa???!!!!

Padrão

Toda a gente sabe que a Páscoa é sempre num Domingo, no entanto, varia de ano para ano o dia e o mês em que se celebra.

A partir do dia da Páscoa, outras datas comemorativas são estabelecidas: 2 dias antes do domingo de Páscoa é a Sexta-Feira Santa; 40 dias antes é a Quarta-Feira de Cinzas e 41 dias antes é o Carnaval.

Para sabermos o dia exacto da Páscoa Cristã em cada ano, temos de efectuar uma divisão de números. Afinal a Matemática está mesmo em todo o lado 😉

O dia da Páscoa varia de ano para ano, por ser uma festa móvel. Para se calcular o dia da Páscoa, utiliza-se o seguinte algoritmo (é uma sequência finita de instruções bem definidas e não ambíguas, cada uma das quais pode ser executada mecanicamente num período de tempo finito e com uma quantidade de esforço finita):

1. Divide-se o ano em que estamos por 19 (divisão inteira) e anota-se o resto.

2. Ao resto obtido, na divisão efectuada anteriormente, adiciona-se 1 unidade.

3. O número que se obtém é um “número dourado” que corresponde a uma data específica dada na tabela a seguir (vale para os anos de 1900 a 2199). A Páscoa é celebrada no domingo a seguir a esta data. Caso a data já seja um domingo, a Páscoa é o domingo da semana seguinte.

Vejamos o exemplo deste ano de 2010:
1. Dividindo 2010 por 19, obtemos o quociente 105 e o resto 15.
2. Se ao resto 15 adicionarmos 1 unidade, obtemos a soma 16.
3. Consultando a tabela acima dos “números dourados”, verificamos que ao número dourado 16 corresponde a data 30 de Março. O Domingo imediatamente a seguir a esta data é precisamente no dia 4 de Abril, que foi a data do Domingo de Páscoa este ano.
DESAFIO: Sem recorreres ao calendário do próximo ano, procura determinar a data exacta do Domingo de Páscoa de 2011.